ressaca2

Ontem eu tinha até feito uma lista de tarefas para hoje, distribuindo bem as minhas atividades durante o dia.

A agenda estava filé.

Eu ia fazer um curso on line, fazer uma lista de presentes de natal bacanas pra por no blog, fazer mais um pouco de curso on line e escrever um textículo sobre Porco Pizza com direito a receita e tudo.

Eu “ia”, pois, como eu disse estava tudo agendado. Mas como este que vos escreve até hoje não adiquiriu bom senso e nem noção de limites, hoje não farei nada disso e escrevo a duras penas este texto explicativo.

Vamos aos fatos. O happy hour de ontem virou uma “happy night” e eu novamente me superei na bebedeira.

Serio mesmo, eu preciso aprender a recusar convites para tomar cerveja. Não que eu tenha me tornado um alcólatra ou algo do tipo, só que é bom não exagerar né?

E o que eu fiz ontem foi justamente exagerar. Depois de sair do bar, por volta de meia noite, encontrei com um colega na rua e fui informado de que o pessoal estava indo para sua casa para continuar bebendo. Obviamente não recusei o convite.

Eu tinha bebido cerveja a noite toda é lá comecei a tomar vodka com energético. Péssima escolha. Esse mix etílico não deu muito certo, ou deu, dependendo do ponto de vista, e eu e o pessoal fomos ficando “levemente” embriagados. Em dado momento da bebedeira alguém gritou que tinha uma aranha (o bicho) no quarto das placas. Pois é, o apê tem um quarto cheio de placas de trânsito, cones e o diabo a quatro, vai entender. Nesse momneto um gênio teve a incrível idéia de usar o extintor de incêndio, que também estava no quarto, para matar a suposta aranha que ninguém viu.

Dispensa comentários a “sagacidade” da idéia. Somente bêbados sem noção para executar tamanha cagada. Imagine a seguinte cena acontecendo dentro de um quarto.

Imagina uma dessas dentro do quarto

Imagina uma dessas dentro do quarto

Depois de limpar toda a sujeira os dois malucos foram pra rua esvaziar os extintor e nós ficamos bebendo e assim prosseguimos pela noite, finalizando o bebedeira com partidas de wining eleven bêbado e gente dormindo no chão.

Olhadinha no relógio pra conferir a hora e… PUTAQUEOPARIU! cinco e meia da manhã e eu tonto jogando video game, fudeu. Como já estava amanhecendo meu amigo arrumou um colchão pra mim e eu dormi na republica mesmo. Dormir só na definição, por que das seis até as sete da manhã é na verdade um cochilo. Levantei ainda um pouco tonto, joguei uma água na cara e desci em direção ao carro.

Meus amigos, a hora que eu vi meu carro a minha reação foi exatamente essa:

fuuuuuuuuuu

Os féladaputa dos meus amigos retardados jogaram o pó do extintor no meu carro inteiro! Sério, meu carro estava inteiro branco e com o sereno o pó virou uma massa. Tudo bem que o carro é velho e tal, mas ai já é muita sacanagem. Meu carro estava mais ou menos assim, inclusive com escritos na janela:

Meu carro tava desse jeito na rua

Meu carro tava desse jeito na rua

Agora se coloquem no meu lugar: bêbado, de ressaca, sem dormir direito, as sete da manhã, com dor de cabeça, ter que ir trabalhar e por causa dos retardados dos amigos eu tava lá jogando água para limpar pelo menos o parabriza pra poder ir pra casa. Um belo inicio de sexta feira.

Antes do trabalho uma pasada na padoca pra comprar a coca-cola salvadora e eu todo bonito desfilando numa pilha de farinha sobre rodas. Elegância total, pelos olhares que recebi percebi que estava causando inveja no povo.

E é por isso que eu não fiz nada que estava programado para o blog hoje. Meu estado é tão deplorável que comecei a digitar esse texto as 10 da manhã e só estou terminando agora, quase seis horas da noite.

FODA!